4 de novembro de 2008

.


Não deixes sepultar o amor. Não podes sepultar o amor. Porque o amor, se é amor, renasce todos os dias. Quando acordas. Quando respiras. Quando choras. Quando ris. De nada serve esconder o amor debaixo de uma qualquer pedra. O amor tem asas e não se deixa prender. O amor é livre, só assim é amor. A minha inquietação é outra. A minha inquietação é ter tanta coisa ainda para fazer e já não ter tempo suficiente. A minha inquietação é querer que tu me entendas e eu não conseguir explicar melhor. A minha inquietação não tem limite, nem eu me limito.


de Maria

ofereço a foto como agradecimento



.

14 comentários:

Maria disse...

Já te tinha dito que não se pode sepultar o amor, porque o amor tem asas.
Os amores voam, como o meu amor voou. Libertam-se, os amores. O amor é a liberdade maior que temos, a de amar, Sim!
E as minhas inquietações são as mesmas, e serão as mesmas, porque o tempo corre e eu não posso parar os relógios.
Mas hoje acrescentei mais uma inquietação às outras todas.
Um dia destes vou mergulhar no mar, pois só ele me sabe tirar a inquietação de dentro….

Um abraço, sempre em azul

em azul disse...

Agora vou brincar:
Não juntes muitas inquietações, Maria... ainda fazes uma "canasta" delas (conheces o jogo?).
Beijoca azul

Maria disse...

Então, vamos arranjar mais dois parceiros (ou duas parceiras) e jogar uma canastada... olha que sou boa a fazer canastas de mão...
hehehehehe

Um beijo, em azul

Miosotis disse...

'não deixes sepultar o amor...' - este alerta despertou algo em mim...

Um beijo

dctorxix disse...

Palavras de entusiasmo, esperança e de amor são capazes de desencadear brilho e doçura nos relacionamentos....porque se limitar

beijos

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Inquieta... busca as respostas nem sempre fáceis, nem sempre encontráveis, mas o caminho da busca é precioso!
E amor é... sempre!
beijos e borboleteios infinitamente azuis!

Nuno de Sousa disse...

O teu amor em azul ficou lindo aqui, belo jogo de palavras que fizeste aqui... sem duvida que o amor é para viver livremente e que voe sem rumo... mas a dois claro :-)
Bjs
Nuno

Carla Sofia disse...

Que texto magnífico, tão cheio de verdade. Amei!
beijinhos

mfc disse...

O amor inquieta-nos, mas é um sobressalto agradável... estimulante.

mfc disse...

Ahhhh... apresento-me já como um possível parceiro da canasta!

Apenas eu disse...

eh! pá!! só cheguei agora! não começem a jogar sem mim ok!!!
eu não sei :)) mas aprendo rápido :))

Beijos em azul céu

Brancamar disse...

Que lindo texto e que linda foto!
Realmente só o céu é o limite...mas não te preocupes, tudo que fores fazendo naturalmente e com amor é o suficiente para os que te rodeiam e para os que te amam.
Obrigada pela pertilha.
Beijinhos.
Branca

em azul disse...

Maria
... e quando perde as asas continua a voar!
Beijo

Maria (novamente)
Parece que há candidatos!

Miosótis
As palavras da Maria fazem-nos pensar...
Abraço

dctorxix
não há limite...

brunella
Inquietante o amor... e amar
Beijo

Nuno
Obrigada. Estas palavras deixou-mas a Maria como comentário a um post que fiz.
Abraço

Carla Sofia
Palavras da Maria
Beijo

mfc
Eu diria mais! Estimulante!
Vamos lá nessa canastra...
Abraço

apenas eu
Acho que se um dia se proporcionar te ensinamos direitinho.
Beijo

brancamar
Bem-vinda! Obrigada eu... bonitas as tuas palavras.


Beijos a todos
em azul

Verónica disse...

O Amor é dos sentimentos o mais nobre de todos. Pode-se dar a vida por amor! Para servir uma causa! e quando se ajuda os mais desfavorecidos estamos sem dúvida a renascer em nome desse mesmo amor!
Beijo azul

Seguidores

Arquivo