23 de novembro de 2008

.

As águas da lagoa estão turvas.


Foi a tristeza das minhas lágrimas


que lhes retirou o reflexo.


Os teus olhos mentiram


e os meus acreditaram-te.


Morrem agora na praia


à espera de um outro azul.










.

12 comentários:

Maria disse...

São bonitas as tuas palavras.
Mas hoje apetece-me brincar e dizer: isto não é turvo, é AMARELO!!!!!

:))

Um beijo, em azulzinho

Miosotis disse...

... quando os olhos mentem, uma luz se fecha no horizonte...

Sensibilizada pelo olhar em 'fragmentos'!
Um beijo

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Que chegue logo uma gota de tinta de anil a colorir-te de azul!
beijos e borboleteios

MPereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
mfc disse...

O desapontamento é o início do fim...

Violeta disse...

Logo logo o mundo voltará a estar azul...
boa semana!

andorinha disse...

Que depois das lágrimas, o azul regresse. Em vez de lagoa será mar.
Um beijo.

Carla Sofia disse...

Como é triste a desilusão que alguém nos provoca... mas porque nos iludimos?
beijinhos

DarkViolet disse...

No reflexo dos trovões existe o deambular do desasossego. Cor entranhada

Fernanda disse...

Sim,...as águas turvam,...as lágrimas ficam tristes...
Mas,...tudo se renova,...tudo.
E,...depois já não há tristeza.
As águas,...ficam transparentes e os olhos tornam-se de novo azuis...:))
A Vida e o Amor,...são mesmo assim...:))

Gosto de te ler.

Uma boa semana

Ana disse...

Voltar a sentir o reflexo azul do mar. É urgente.
Um beijo para ti.

Paula disse...

Existem múltiplos azuis! Existem múltiplas cores... e são elas que nos enchem a alma.

Parabéns pelo blog.
Abraço

Seguidores

Arquivo