3 de julho de 2009

.

Não me mintas. Não foi um pedido... nunca foi um pedido! E mentiste...
Não foi a mentira que pesou... foi sabê-la! Segredo que se desvenda, pobre e dorido. Se o tivesses guardado!
Que importa o quase?
Que importa o nunca?
Tanto me custa acrescentar a palavras "mais"... no pedido que não te fiz! É mesmo o que me custa!
Não consigo dizer-te: não me mintas mais.
Não quero... nem posso!
Não me sai do peito um perdão,
não...
Agora... já não!

.





.

7 comentários:

Pedrasnuas disse...

EU TAMBÉM NÃO SUPORTO A MENTIRA...PREFIRO ANTES A VERDADE CRUA E NUA...

FINALMENTE DESTE SINAL DE VIDA...BEM VINDA !!!


BEIJINHOS

simplesmenteeu disse...

A mentira mata!
Às vezes, de forma lenta e invisível.Fica a roer por dentro - a destruir!
Então o "mais"... é quase sempre um engano. Uma forma de nos agarrarmos ao que não queremos perder.

Tal como o azul onde danças, virão outros céus de verdade!

(obrigada. muito. pela presença que me deixaste)

Beijo carinhoso

clic disse...

Lembra-me as meadas de linha ou lã que, quando empeçavam, nunca mais se conseguia fazer nada delas... Cada vez que se desmanchava um empeço, acreditando que já estava, já lá vinha outro a caminho!...

Secreta disse...

Pedir ou desejar o perdão é por vezes demasiado!

Baila sem peso disse...

Vim agradecer a visita azulinha
no cantinho do meu mar, à beirinha

Gostei desse sofrido, não...mais
A mentira que tudo leva na onda...
seu rosto não se esquece jamais!

Talvez tenha havido confusão?! :(
Sei de quem pensa mentira
do que é verdade, na condição!

Beijinho e boa semaninha, pois então :)

•.¸¸.ஐBruneLLa França disse...

A mentira pode matar um sentimento lindo... e torná-lo estéril.

Beijos e borboleteios

O2 disse...

Acusaram-me uma vez de mentir e até hoje não entendi a acusação... quem sabe um dia perceba... o que não percebo é a falta de perdão sem cartas na mesa... espero que tenhas posto as cartas na mesa, pq as tantas pode ser tudo um grande mau entendido, as vezes uma grande confusão.

Seguidores

Arquivo